Mais animais e menos doações

ONG Estimação prevê que suprimentos durem apenas mais dois meses

Depois de quase quatro meses após o início dos trabalhos de resgate dos animais das áreas afetadas pela tragédia de 12 de janeiro, a ONG Estimação, responsável pelo trabalho de cuidado de cães e gatos que ficaram à deriva após o temporal, está passando por muitos problemas para cuidar dos quase 200 cães que ainda restam em dois galpões (um no Meudon e outro em Albuquerque) administrados pela organização. São animais de todos os tamanhos e raças, que além de terem passado por uma situação dramática, sentem a falta dos donos. De acordo com Bebete Filpi, Presidente da ONG, os mantimentos e a verba doada só serão suficientes para mais dois meses de cuidados.
Segundo a ONG Estimação foram retirados das áreas de risco, desde 12 de janeiro, 1.220 animais, cerca de 1.000 já foram adotados nas diversas feiras realizadas pela organização, tanto em Teresópolis como no Rio de Janeiro.
Bebete afirma que, além dos animais que foram de fato resgatados em áreas afetadas, a ONG ainda está recebendo animais, mesmo sem ter capacidade. “A situação está cada vez mais grave porque até meados de março foram resgatados 1.220 cães adultos das áreas de risco, desses nós estamos ainda com uns 200 e mais os filhotes, sem contar os gatos, coelhos e cabras”, informou.

O Diário de Teresópolis

Nota minha: conforme informações da própria Bebete, ainda existem muitos gatos resgatados esperando adoção, aos cuidados de Rosely Bastos ( SOS Felinos ). Quem quiser adotar um gatinho desabrigado de Teresópolis, só entrar em contato.

~ por clauporto em 28 de abril de 2011.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: